JMH_7557-930

 

O que se espera de um executivo do Google, formado em Ciência da Computação? Qualquer coisa! Menos que ele suba de balão a uma altura de 41 quilômetros, na estratosfera terrestre e salte em queda livre. Mas foi exatamente o que fez Alan Eustace, de 57 anos, vice-presidente sênior no Google, batendo o recorde mundial de salto em queda livre que pertencia a Felix Baumgartner, no famoso salto de 39 quilômetros, realizado em Outubro de 2012.

O New York Times relata que Eustace subiu em um balão a partir de Roswell, no Novo México e mergulhou de volta à Terra, optando apenas por um sistema especialmente concebido para servir de apoio espacial, diferentemente da  cápsula de Baumgartner. O traje espacial foi fabricado em fibra de carbono e tinha acoplado uma câmera GoPro, que inacraditavelmente estava conectada a uma central de controle no solo terrestre, usando ondas de rádio. Realmente um feito impressionante!

 

Alan Eustace sendo auxiliado por Jared Leidich (Crédito da imagem: New York Times)

Alan Eustace sendo auxiliado por Jared Leidich

 

A queda livre de Alan Eustace levou 15 minutos e atingiu um pico de velocidade de 800 mph, o suficiente para quebrar a barreira do som e criar um “boom sônico”, que foi escutado pelos que o estavam aguardando em solo. Depois ele acionou o sistema de pára-quedas e desceu de volta, caindo em um local de pouso a 70 milhas de distância de onde ele começou.

— Foi incrível! Foi lindo! Você pode ver a escuridão do espaço e pode ver as camadas da atmosfera, algo que nunca vi antes. (Alan Eustace)

A proeza fez de Alan Eustace a segunda pessoa a realizar um salto da estratosfera terrestre. Ele estava trabalhando no projeto desde 2011 e recusou a assistência do Google, preferindo trabalhar sozinho. Mas contou com o apoio da Paragon Space Development Corporation, conhecida também como StratEx. Se quiser mais detalhes e ver os bastidores da aventura, acesse a página da empresa.

Larry Page, CEO do Google, chegou a comentar a façanha em seu perfil no Google +. Como foi tudo filmado, você pode assistir aos destaques da proeza no vídeo abaixo:

 

 

 

(Via New York Times)

Sobre o autor

Administrador e Editor - Graduado em Tecnologia da Informação e hard user de tecnologia