IMG_0027-0.JPG

Ayan Qureshi definitivamente não é um garoto qualquer. Ele tem apenas cinco anos de idade, mas de forma incrível passou em um exame Microsoft Certified Professional.

Não é um exame fácil, como talvez pudesse supor uma pessoa que não conheça o assunto. Inclusive, o exame é composto de perguntas de múltipla escolha, mas possui também questões com base em cenários e pedem a descrição de uma situação exigindo uma decisão por parte do candidato. O menino disse que achou o exame “difícil, mas agradável”.

Para quem não sabe, o Microsoft Certified Professional é um exame aplicado por parceiros educacionais da Microsoft e é acompanhado por um inspetor selecionado, sendo que é muito procurado por técnicos de TI. No Brasil, o exame custa R$ 175.

 

O desafio mais difícil foi explicar a linguagem do teste para um menino de cinco anos. Mas ele parecia entender e tem uma memória muito boa. Muita computação nessa idade pode causar um efeito negativo, mas no caso de Ayan, ele aproveitou esta oportunidade. (Asim Qureshi, pai do garoto e consultor de TI)

 

IMG_0028.JPG

Ayan,, começou a aprender sobre discos rígidos e placas-mãe, já aos três anos de idade. Agora ele tem seis anos e possui um laboratório cheio de computadores em sua casa, todos ligados por uma rede criada por ele. O pai procura equilibrar a atividade do menino e por isso permite que ele só passe cerca de duas horas por dia estudando computação. A família é paquistanesa mas mora na Inglaterra desde 2009 e Ayan diz que tem vontade de criar uma espécie de Vale do Silício na região onde mora, já tendo até um nome para o futuro polo de atividade tecnológica: E-Valley.

Alguém pode duvidar que ele consiga?

(Via BBC)

Sobre o autor

Administrador e Editor – Graduado em Tecnologia da Informação e hard user de tecnologia