IMG_0084.JPG

 

Elevadores são absolutamente vitais em edifícios altos. Mas eles têm os seus limites, claro! Especialmente o fato de se moverem normalmente em apenas uma direção. Por isso, você não pode esperar um elevador mover-se lateralmente para buscá-lo do outro lado de um edifício.

Em breve esse problema será resolvido e nós veremos uma nova geração de elevadores sendo usada nos grandes edifícios. Quem promete a solução para o problema é a firma alemã ThyssenKrupp. Seus novo elevador sem cabos, chamado “Multi” caminha por uma vala usando a tecnologia de motor linear magnético, para se mover horizontalmente e verticalmente. A tecnologia é semelhante à usada em trens Maglev, ou de levitação magnética. A mudança permitirá um serviço muito mais amplo e eficiente em edifícios muito largos ou de formatos incomuns.

IMG_0088.JPG

Muito interessante é o fato de ser possível a operação em loops e sem limite de altura, tornando fácil se colocar vários carros do elevador em um mesmo eixo. Assim, passará elevador a todo momento e você não vai esperar mais de 30 segundos para pegar um. O design do Multi faz uso de pouco espaço, ou seja, a sua implantação permitirá que os proprietários escolherem projetos de edifícios com mais apartamentos e escritórios, ou pelo menos ofereçam unidades maiores aos compradores.

O Multi não é a primeira solução livre de cabos para um elevador horizontal, pois a MagneMotion já tem um sistema em uso a bordo de um porta-aviões para a entrega de armas. No entanto, esta poderá ser a primeira solução que você vai realmente começar a usar. A ThyssenKrupp planeja testes no mundo real para o seu elevador em uma torre experimental, provavelmente em 2016. Não havendo contra-tempos, será um pulo até vermos o projeto sendo destinado a edifícios civis.

Se tudo correr bem, então você não terá mas que gastar muito tempo esperando para chegar ao seu andar, mesmo que seja no topo de um arranha-céu.

 

https://www.youtube.com/watch?v=KUa8M0H9J5o

(Via Engadget)

Sobre o autor

Administrador e Editor – Graduado em Tecnologia da Informação e hard user de tecnologia