robô hector

Parece que foi ontem, mas já tem alguns anos que HECTOR, o robô inseto, era pouco mais que uma ideia inspiradora ao olhos da Universidade Bielefeld, mas agora já está dando seus primeiros passos. O pequenino robô é inspirado no bicho-pau, um inseto da ordem Phasmatodea, semelhante a um pedaço de madeira ou graveto, que anda bem devagar e com um leve balanço.

IMG_0221.PNG

Muitos não entendem o propósito de um experimento desse tipo, mas ele é muito importante para demonstração de conceitos da robótica, demonstrando avanços na área. Como você verá no vídeo abaixo, todas as seis pernas do HECTOR, semelhantes a de um inseto, movem-se independentemente e podem reagir a mudanças inesperadas no terreno. As reações ocorrem para manter o equilíbrio em superfícies escorregadias e elevam-se acima de pequenos obstáculos no momento em que ele sentir que há uma resistência.

O HECTOR é apenas uma prova de conceito e, por enquanto, você não o verá se rastejando fora do laboratório. Mas a Universidade de Bielefeld já tem um protótipo com duas câmeras e “antenas”. Existe um planejamento para uso concreto e muito útil até 2017. O objetivo, é que se tudo correr bem, este projeto possa estabelecer grandes avanços para transportadores autônomos de carga, rovers, para pesquisa de exploração espacial e outros robôs que nem sempre poderiam encontrar uma superfície estável em seu caminho.

Veja o vídeo.

 

 

Via The Verge

Sobre o autor

Administrador e Editor - Graduado em Tecnologia da Informação e hard user de tecnologia