clone do macbook air

 

Nós já conhecemos a Xiaomi e sabemos bem que a empresa não está para brincadeira. Se foi surpreendente ver a empresa chegar na terceira posição entre as fabricantes de smartphones, não teremos mais porque nos surpreender se ela entrar arrebentando em outra área. E se depender do seu clone do Macbook Air, parece que isso realmente acontecerá.

A empresa, que atualmente é dirigida por um brasileiro, chamado Hugo Barra, diferentemente de alguns outros fabricantes chineses, vem se destacando no mercado de tecnologia, não apenas pelos preços mais baixos que pratica. A grande supresa fica por conta da alta qualidade apresentada nos produtos, que tem feito com que muitos emitam elogios fervorosos mundo afora.

Depois de alguns rumores, parece que a empresa realmente entrará forte no mercado de notebooks se valendo de uma máquina com um design que “lembra” absurdamente o do MacBook Air, da Apple. Mas as especificações não são tão modestas quanto poderia se esperar de um clone chinês. O máquina terá processador Intel Haswell i7, 16GB de RAM, display de 15″ com 1080p de resolução. Nada mal, não é mesmo?! Supostamente, o sistema operacional embarcado nesse clone do Macbook Air será uma distribuição personalizada do Linux.

Mas agora prepare-se para a cereja do bolo: o preço esperado para lançamento é de aproximadamente US$ 481. Se a qualidade desse produto for elevada e o preço for realmente esse, quem pode duvidar que a empresa em breve possa emplacar também nesse novo ramo. Claro, ainda existe a possibilidade desse vazamento ser fake, mas eu não apostaria nisso.

E você, em que aposta? Esse lançamento será marcado por um processo da Apple ou por fortes vendas do clone do Macbook Air?

Via Gizmochina

 

Sobre o autor

Administrador e Editor - Graduado em Tecnologia da Informação e hard user de tecnologia

  • Terabytes

    Um MacBook de 2009 com processador dual core com 2GB de memória ram (praticamente antigo) com Mac OS X, não perde em nada para meu i5 com 8GB de ram.
    Não adianta ter tanta memória e processamento de algum outro periférico ou até mesmo o sistema instalado for o elo mais fraco…
    Amo o Linux, Mac OS X é bem mais fluido.

    • Claudio Metz

      Pelo preço que estão prometendo , eu acho que vale muito a pena. O Linux pode não ser tão fluido quando o OS X . mas dá conta do recado e eu compraria um.

    • Carlos

      Acho que as grandes fabricantes de notebook poderiam oferecer do Linux instalado de fábrica. Windows é difícil de engolir, cara! Quem se acostuma com o Linux e especialmente com o OS X, no engole mesmo. De qualquer maneira, quem quisesse usar o Windows daria o “seu jeitinho”.

  • Edvan Suzarth

    — Preço Brasil R$ 2899,00

    • Carlos

      Caramba, será? Se nos EUA custará US$480 aqui não deveriam colocar mais que R$2000. Mas sabe-se lá…

      • Ramon Filipe A. Sanches

        Po, não sei não, só a conversão já dá 1.901,18. Adiciona aí o lucro do importador, do fornecedor que compra do importador, da loja que compra do fornecedor, acho que passa fácil. hahahaha