Se você já tentou buscar alguma música dos Beatles em seu serviço de Streaming, seja Apple Music, Spotify ou qualquer outro, sabe muito bem que a única coisa que conseguimos encontrar são versões de bandas covers. Isso porque, até o momento, os detentores dos direitos sobre a obra da banda inglesa rejeitaram todas as propostas feitas pelos serviços de streaming, para exibir as gravações originais da banda inglesa.

The Beatles

Para alegria dos fãs, músicas como “Hey Jude”, “Yesterday”, “Let it Be” e muitas outras, poderão estar disponíveis,ainda esta semana, em praticamente todos os serviços de Streaming, incluindo Spotify e Apple Music. Quem faz essa revelação é a Billboad, que afirma ter recebido essa informação de fontes seguras.

Relatórios emitidos no passado haviam sugerido que a Apple estava em negociação para que as músicas dos The Beatles tivessem disponíveis, com exclusividade de 6 meses, no Apple Music. Mas a julgar por esta nova revelação da Billboard, o negócio com a Apple não foi concretizado.

Os detentores dos direitos da obra dos The Beatles tem ao longo do tempo se mostrado extremamente lentos em disponibilizar as músicas da banda inglesa para novas tecnologias. As gravações da banda tiveram um atraso de 5 anos para serem lançadas em CD, e mais 6 anos para serem disponibilizadas para venda na iTunes Store. Apesar da relutância, é inevitável que as músicas dos The Beatles sejam disponibilizadas por meio de serviços de streaming. Atualmente, as gravadoras tem faturado mais com a disponibilidade de suas músicas por streaming do que com vendas na iTunes Store.

Segunda a Billboard, é provável que as músicas já estejam disponíveis a partir de 24 de dezembro. Será uma ótima notícia para os que já admiram o trabalho dos The Beatles e uma excelente oportunidade para que a nova geração possa conhecer as músicas de uma das maiores bandas da história.

Nenhum dos serviços de streaming quis comentar o assunto, portanto teremos que esperar alguns dias para que o relatório da Billboard se confirme.

Via Billboard

Sobre o autor

Editor - Graduado em Marketing e hard user de tecnologia