Má notícia para os que esperavam uma melhora na autonomia da bateria do Galaxy S7 e S7 Edge. O site Phone Arena realizou um teste comparativo e nos trouxe a inesperada informação de que a autonomia dos novos modelos da Samsung consegue ser ainda pior do que a do Galaxy S6 e S6 Edge.

Bateria do Galaxy S7 e S7 Edge

Apesar do Galaxy S7 e S7 Edge virem com maior capacidade de armazenamento da bateria, 3.000 mAh e 3.600 mAh respectivamente, o tempo de uso do aparelho sem recarregar conseguiu ainda assim ser inferior aos modelos do ano passado, que possuem bateria de 2.600 mAh.

Nos testes realizados pelo Phone Arena, a autonomia do Galaxy S7 Flat durou apenas 6 horas e 37 minutos, enquanto o Galaxy S6 teve um resultado melhor com autonomia de 7 horas e 14 minutos. O Galaxy S7 Edge também ficou aquém do modelo do ano passado, com uma autonomia de apenas 7 horas e 18 minutos contra as 8 horas e 11 minutos do Galaxy S6 Edge. Vale lembrar que o modelo testado é o equipado com o Snapdragon 820, embora não acreditamos que deva melhorar muito com o Exynos 8890.

Galaxy S7 e S7 Edge

Conforme pode se notar no quadro comparativo, os smartphones da Apple tiveram os melhores resultados, com autonomia de 8 horas e 15 minutos para o iPhone 6S e incríveis 9 horas e 11 minutos de autonomia do iPhone 6S Plus. Isso marca uma mudança no jogo, já que os modelos anteriores do iPhone sempre foram criticados pela curta duração da bateria.

Tempo de Recarga da Bateria do Galaxy S7

Pelo menos no que diz respeito ao tempo de recarga dos aparelhos, os Galaxy S7 e S7 Edge tiveram um bom desempenho, com apenas 1 hora e 18 minutos para recarregar totalmente a bateria do Galaxy S7 e 1 hora e 39 minutos para o Galaxy S7 Edge. Neste aspecto os atuais modelos da Apple levam uma surra, já que a bateria do iPhone 6S necessita de 2 horas e 30 minutos para ser 100% carregada e 2 horas e 45 minutos para o iPhone 6S Plus.

tempo-recarga

O resultado do teste de autonomia da bateria do Galaxy S7 é um verdadeiro banho de água fria nos fãs da marca, já que com o aumento da capacidade de carga da bateria em relação aos modelos do ano anterior,se esperava uma performance muito melhor do que a apresentada nesta avaliação. A maré não anda boa para os novos smartphones da Samsung, um relatório anterior da XDA Developers já havia citado também a existência de lags na TouchWiz do Galaxy S7 Edge.

Via Phone Arena

Sobre o autor

Editor – Graduado em Marketing e hard user de tecnologia