Pop.up! A Airbus está preparando um carro voador futurista incrível

A Airbus está fazendo um trabalho muito sério pensando no futuro da mobilidade urbana. Se no ano passado, ela falou  sobre o planos para um carro voador futurista, agora a história parece avançar. A empresa já diz que ele poderia estar nas ruas (e nos ares) em sete anos. Sim, meus amigos, vocês ficarão surpresos com o que apareceu no Salão Automóvel de Genebra esta semana. A Airbus soltou um teaser revelando um design incrivelmente bacana para seu ambicioso sistema de transporte urbano. O nome: “Pop.Up“. Um conceito de veículo autônomo, composto de três módulos separados.

Desenvolvido em parceria com a empresa de design e engenharia Italdesign, os módulos incluem um “pod” ou cabine para dois passageiros, um conjunto de rodas no qual a cabine se conecta e a parte realmente incrível: um gigante quadricóptero autônomo que carrega a cabine e a leva para se conectar a diferentes conjuntos de rodas. Imagine que incrível: uma cabine levada pelo ar por um drone gigante!
Airbus Pop.Up

Vamos explicar melhor: Digamos que você está em casa e precisa se deslocar pela cidade para uma reunião. Você usará um sistema semelhante ao Uber. Primeiro, você chama o veículo autônomo através de um app e em minutos ele chega à sua porta. Você entra no veículo, mas não será conduzido pelo tráfego intenso da cidade, a cabine se desconecta do conjunto de rodas, que fica ali, aguardando uma futura conexão.  A cabine então será erguida pelo ar através do drone gigante, que levará você para um lugar mais próximo de seu destino, para se conectar a outro conjunto de rodas, que obviamente estará estacionado  em ruas mais calmas, longe do engarrafamento. Conectado e novamente com rodas, o veículo termina a viagem, conduzindo o passageiro até o destino final.
Airbus Pop.Up

Repare, que você não seria proprietário de qualquer um dos módulos. Em vez disso, isso é mais como um serviço futurista de “ridesharing”. Ou seja, se você pensou em Uber, pensou certo: é melhor a famosa empresa correr,  para não sair atrás.

A Airbus diz que a tecnologia também incorporaria uma plataforma de inteligência artificial (AI) para determinar as melhores rotas de viagem de acordo com os hábitos dos usuários e dados de tráfego atuais.Airbus Pop.Up

O Airbus Pop.up e céu subutilizado

No vídeo em que anuncia o sistema de “emissão zero”, Mathias Thomson, gerente geral da Airbus Urban Air Mobility, diz:

O Pop.Up permite aos passageiros uma maneira contínua e rápida de ir de um ponto A para B usando o céu da cidade. É uma parceria entre o setor aéreo e o setor automotivo, dois poderosos setores que se unem para desenvolver novas tecnologias, novos conceitos para o futuro das cidades inteligentes “.

No momento, o céu urbano está subutilizado e é exatamente essa a proposta… Nós pensamos que combinando ar e terra nós vamos ter um uso muito melhor do espaço que temos em nossas cidades. ”

O veículo mostrado em Genebra parece bem impressionante, mas a Airbus ainda não está pronta para virar a chave para “on”, ou seja nenhum de seus modelos de veículos elétricos pode demonstrar a tecnologia ainda. A empresa diz que pretende demonstrar plenamente o equipamento até o final deste ano.

Podemos sonhar com a tecnologia no Brasil?

O CEO da Airbus, Tom Enders, disse em uma conferência em 2016: “Cem anos atrás, o transporte urbano foi subterrâneo, agora temos os meios tecnológicos para ir acima do solo. Estamos numa fase de experiências, mas levamos esse desenvolvimento muito a sério. Com o vôo, você não precisa investir bilhões em pontes e estradas.”

Esse é o ponto! Sem querer entrar em polêmicas, nem levantar questões políticas, duvido muito que uma tecnologia assim chegue nos próximos 50 anos no Brasil. Nosso país possui uma cultura arraigada da participação de empreiteiras em projetos de desenvolvimento, onde bilhões são gastos com construções e manutenções suspeitas de rodovias, que alimentam um sistema difícil de ser mudado. Se a maioria das cidades, nem ruas apropriadas possuem, parece que nossa realidade é mesmo outra. Mas ainda assim, será interessante ver a tecnologia quando viajarmos.

A Airbus diz que, embora no momento o projeto ainda seja um conceito, ela espera ter tudo pronto para o serviço já ser implantado em algumas cidades dentro de 7 a 10 anos. Naturalmente, ela ainda esbarrará com a questões envolvendo regulamentação de órgãos da aviação. Mas o fato é que a Airbus está avançando com o projeto e está cada vez mais próximo a concretização do sonho dos carros voadores.

Via Youtube

Post Author: Benicio Brown

Administrador e Editor - Graduado em Tecnologia da Informação e hard user de tecnologia